FisioAvalia

Translate the description into English (United States) using Google Translate?Translate the description back to Portuguese (Brazil)

É de fundamental importância a avaliação clínica na fisioterapia para que o terapeuta possa traçar objetivos e escolher o tipo de tratamento a ser utilizado em pacientes com déficits cinético-funcionais. Entretanto, os fisioterapeutas na sua prática cotidiana revelam um déficit em relação à quantificação e registros sobre seus procedimentos, dado o volume de atendimentos e a escassez de prontuários. Nas clínicas e estabelecimentos de fisioterapia a elevada demanda de pacientes os obriga a diminuir ou até mesmo dispensar o uso de avaliações.
O fisioterapeuta que busca obter bons resultados com seu paciente deve dominar conhecimentos anátomo-fisiológicos, patológicos, semiológicos e ter noções sobre interpretação de exame de imagem e laboratório, de modo a realizar uma avaliação completa e fornecer um diagnóstico cinético-funcional preciso. Assim, o objetivo da avaliação é a análise global para uma compreensão completa e definitiva dos déficits do paciente, a partir dos achados clínicos evidenciados na avaliação e a base física dos sintomas que levaram o paciente a queixar-se.
No âmbito da saúde, o prontuário do paciente é a forma de registro mais utilizada em instituições hospitalares, mostrando-se uma fonte essencial de obtenção de todas as informações primárias do paciente no acompanhamento da saúde e doença, e estratégica para o serviço de saúde por gerar conhecimentos de ordem administrativa, de ensino, pesquisa e aspectos legais. Com a implantação de um prontuário eletrônico do paciente (PEP), os fisioterapeutas são encorajados a armazenar registros em formato digital. O tratamento fisioterapêutico exige a implantação de uma estrutura de registro específico, com atenção para a facilidade de uso e a comunicação entre profissionais da saúde. Na área da fisioterapia são raros os PEPs disponíveis, o que dificulta a atuação do profissional, uma vez que ele não conta com dados específicos relacionados aos atendimentos que realiza.
No meio acadêmico e profissional, cada vez mais estudantes e fisioterapeutas passam a buscar informações por meio de celulares e smartphones, ao invés de microcomputadores. O uso da tecnologia digital na forma de aplicativos para cuidados em saúde constitui um recurso a fim de facilitar o registro e armazenamento de dados. A utilização da tecnologia da informação em saúde (TIS), frente às necessidades na prática da fisioterapia, torna-se vantajosa, uma vez que a proposta de ofertar serviços à prática de armazenamento de dados favorece o diagnóstico, prevenção, tratamento de doenças, educação contínua e pesquisas científicas.
O desenvolvimento de um prontuário eletrônico em fisioterapia, acessível por aplicativo de celular, pode proporcionar diversos benefícios, tanto para o paciente com distúrbio musculoesquelético, quanto para o profissional da área que o utiliza. A facilidade na aquisição do aplicativo pode ser um diferencial, pois o mesmo pode ser adquirido por meio da loja virtual de qualquer dispositivo móvel. A redução de papel também é significativa, uma vez que o terapeuta pode acessar todas as fichas de seus pacientes com agilidade e praticidade, guardando-as e armazenando-as remotamente, minimizando as pilhas de arquivos.
As vantagens para o paciente são inúmeras, pois o mesmo acessa sua ficha ao término de cada sessão por e-mail, não tendo problemas com letras ilegíveis e possuirá um banco de dados de sua saúde com todos os exames e relatórios diários de cada atendimento (evolução).
O objetivo desta empresa é desenvolver um aplicativo com prontuário eletrônico, a fim de facilitar o registro e armazenamento das informações obtidas na avaliação funcional.
It is vital to clinical evaluation in physical therapy so that the therapist can trace goals and choose the type of treatment to be used in patients with functional kinetic deficits. However, physical therapists in their daily practice show a deficit in relation to the quantification and records of its proceedings, given the volume of calls and the lack of records. In clinics and physiotherapy facilities to high patient demand forces them to reduce or even dispense with the use of assessments.
      The physical therapist who seeks to obtain good results with the patient must master the anatomical and physiological, pathological knowledge, semiotic and have notions of interpretation examination imaging and laboratory, to conduct a comprehensive assessment and provide a kinetic-functional diagnosis accurate. The objective of the evaluation is the overall analysis for a complete and definitive understanding of the patient's deficits, from the clinical findings highlighted in the assessment and the physical basis of the symptoms that brought the patient to complain.
      In the health area, the patient chart is the way to record most used in hospitals, being an essential source of obtaining all primary patient monitoring health and disease, and strategic to the health service for generate knowledge of administrative, teaching, research, and legal aspects. With the implementation of an electronic patient record (EPR), physical therapists are encouraged to store records in digital format. Physical therapy treatment requires the implementation of a specific record structure with attention to ease of use and communication between health professionals. In the area of ​​physical therapy are rare available PEPs, which complicates the work of the professional, since he does not have specific data related to calls that place.
      In the academic and professional environment, more and more students and physiotherapists start to seek information through mobile phones and smart phones instead of computers. The use of digital technology in the form of applications for health care is a resource to facilitate the registration and data storage. The use of health information technology (TIS), meet the needs in the practice of physical therapy, it is advantageous, since the proposal of offering services to the data storage practice favors the diagnosis, prevention, treatment of diseases, education continuous scientific research.
      The development of an electronic medical record in physiotherapy, accessible by mobile application, can provide many benefits for both the patient with musculoskeletal disorders, and for the professional area that uses it. The ease of acquisition of the application can be an advantage, because it can be purchased through the online store of any mobile device. Reducing paper is also significant, since the therapist can access all records of their patients with agility and practicality, save and storing them remotely, minimizing stacks of files.
      The advantages for the patient are numerous, because it accesses your file at the end of each session by email, having no problems with unreadable letters and possess one of your health database with all examinations and daily reports of each service ( evolution).
      The purpose of this company is to develop an application with electronic medical records in order to facilitate the registration and storage of information obtained in the functional evaluation.
Read more
Collapse
4.0
46 total
5
4
3
2
1
Loading...

What's New

- Inserção de dados de endereço no cadastro de usuário;
- Inserção de data/hora no registro de evolução;
- Melhorias no upload de mídias;
- Correções de desempenho;
Read more
Collapse

Additional Information

Updated
April 10, 2019
Size
12M
Installs
5,000+
Current Version
1.11.0.6
Requires Android
4.4 and up
Content Rating
Everyone
Permissions
Offered By
FisioAvalia®
©2019 GoogleSite Terms of ServicePrivacyDevelopersArtistsAbout Google|Location: United StatesLanguage: English (United States)
By purchasing this item, you are transacting with Google Payments and agreeing to the Google Payments Terms of Service and Privacy Notice.