Vaporpunk: relatos steampunk publicados sob as ordens das suas majestades

Free sample

Com força mundial, a estética steampunk vem angariando cada vez mais fãs brasileiros e portugueses. Seu apelo visual e o rico conteúdo inspirados no século XIX são o combustível certo para a produção de uma literatura que pode ser intensa, mas também descontraída. Descubra o que oito autores maquinaram nesse intricando conjunto de engrenagens que é a imaginação.O steampunk nasceu como um gênero literário, mas ganhou vida própria e dominou a moda e as artes plásticas, tornando-se cada vez mais conhecido. Se a cultura da era vitoriana virou inspiração para essa estética, em Vaporpunk – Relatos steampunk publicados sob as ordens de Suas Majestades, os organizadores Gerson Lodi-Ribeiro e Luis Filipe Silva imaginaram essa época tão distinta sob a ótica brasileira e portuguesa, repleta de inovações tecnológicas e acontecimentos inusitados.Com a presença de renomados autores da ficção especulativa dos dois países, Octavio Aragão, Flávio Medeiros, Eric Novello, Carlos Orsi e o próprio Gerson pelo Brasil Jorge Candeias, Yves Robert e João Ventura por Portugal a coletânea traz oito noveletas movidas a vapor, disputas políticas, personagens famosos e armas engenhosas.Tudo isso regado a muita aventura e surpresas, porque mais do que repensar o gênero, Vaporpunk é um convite para conhecer um mundo alternativo, e o que Brasil e Portugal poderiam ter sido com tamanhas novidades.
Read more
Collapse
4.6
5 total
Loading...

Additional Information

Publisher
Editora Draco
Read more
Collapse
Published on
Dec 11, 2012
Read more
Collapse
Pages
312
Read more
Collapse
ISBN
9788582430071
Read more
Collapse
Read more
Collapse
Read more
Collapse
Language
Portuguese
Read more
Collapse
Genres
Literary Collections / Caribbean & Latin American
Literary Collections / General
Read more
Collapse
Content Protection
This content is DRM protected.
Read more
Collapse
Read Aloud
Available on Android devices
Read more
Collapse
Eligible for Family Library

Reading information

Smartphones and Tablets

Install the Google Play Books app for Android and iPad/iPhone. It syncs automatically with your account and allows you to read online or offline wherever you are.

Laptops and Computers

You can read books purchased on Google Play using your computer's web browser.

eReaders and other devices

To read on e-ink devices like the Sony eReader or Barnes & Noble Nook, you'll need to download a file and transfer it to your device. Please follow the detailed Help center instructions to transfer the files to supported eReaders.
Dieselpunk é o sucessor cronológico do steampunk, gênero literário que chegou à moda e às artes plásticas, conquistou o mundo e foi o nosso tema em Vaporpunk – relatos steampunk publicados sob as ordens de Suas Majestades. Agora, com uma estética inspirada no começo do século XX, a Belle Époque surge sem a interferência da Grande Depressão e a Guerra Fria atinge níveis inimagináveis. Nove autores remexeram os mais secretos arquivos para a primeira antologia do tema em língua portuguesa, Dieselpunk – arquivos confidenciais de uma bela época.O combustível dessa vez é o diesel, capaz de levar aos céus máquinas mais pesadas que o ar e movimentar indústrias criadas sob a euforia progressista da vida nas metrópoles. Impérios lutam contra governos populares, e a individualidade e o mérito próprio perdem cada vez mais espaço para a coletividade e o bem comum, mesmo quando os reais objetivos das nações não podem ser compreendidos.Um retrato cinzento de um passado em que os motores do mundo são mais valorizados do que as pessoas que o habitam, e o Estado se nega a enxergar o cidadão como peça fundamental de sua existência. Mas há muito mais em Dieselpunk do que controle e poder. Há indivíduos que decidiram fazer a diferença contra esta nova ordem e há indivíduos que ajudaram a criá-la. Suas histórias são aqui relatadas pelos senhores: Carlos Orsi, Tibor Moricz, Octavio Aragão, Hugo Vera, Antonio Luiz M. C. Costa, Cirilo S. Lemos, Sid Castro e Jorge Candeias, organizadas pelo também autor Gerson Lodi‐Ribeiro.Conheça o mundo movido a diesel que o levará a refletir sobre o nosso presente e as escolhas de homens e estados que fizeram nossa história. Esse é o mundo de Dieselpunk.Antologia organizada por Gerson Lodi-Ribeiro, que também tem uma noveleta, e com a participação de Carlos Orsi, Tibor Moricz, Octavio Aragão, Hugo Vera, Antonio Luiz M. C. Costa, Cirilo S. Lemos, Sid Castro, Jorge Candeias.
Esta é uma história alternativa que imagina como seria o Brasil vinte anos depois da invasão militar brasileira das Guianas, na Fronteira Norte, segundo os planos megalomaníacos do Presidente Jânio Quadros. Simultaneamente, a Argentina invadiu as Ilhas Malvinas, no Atlântico Sul.Contudo, uma coalizão formada pelos países atingidos pela ação militar brasileira – Inglaterra, França e Holanda – e os Estados Unidos contra‐atacaram e empurraram os soldados brasileiros de volta, ficando com um bom pedaço da Amazônia Brasileira.Desde então instalou-se um conflito permanente na região, com o Brasil e aliados latino-americanos lutando para retomar o território perdido e manter sob controle uma guerrilha patrocinada por aqueles países do Primeiro Mundo. É um Brasil completamente diferente do nosso, contido política e economicamente por esse conflito perpétuo, e com gerações de jovens brasileiros comprometidas com o conflito.Amparada por uma pesquisa cuidadosa, Selva Brasil acompanha um grupo de soldados que – ao seguir para um ponto anônimo do Amapá, na fronteira com a Guiana Francesa, onde devem substituir uma outra unidade do Exército Brasileiro – se depara com desertores e com um plano secreto para romper as regras de engajamento que limitam o conflito na região.Ao mesmo tempo, esses homens são confrontados com um estranho experimento militar que, indo além dos parâmetros do seu projeto, pode ter aberto um portal entre essa realidade paralela e a nossa.
Mais carvão na caldeira, senhoras e senhores.O steampunk invadiu o mundo. Literatura, roupas, gadgets, quadrinhos, filmes, festas, clubes de fãs, games e animações, não há nicho da cultura pop que escape da estética do vapor, que vem moldando toda uma geração de criadores e apreciadores. Inclusive no Brasil, cujo olhar sobre o gênero talvez seja um dos mais autênticos do mundo, deixando claro que a fuligem, o cavalheirismo e a aventura podem esconder sombras densas.Após o sucesso de Vaporpunk – relatos steampunk publicados sob as ordens de Suas Majestades, a Editora Draco achou que ainda havia muita lenha para queimar e convocou uma nova formação de sua liga extraordinária de autores em Vaporpunk – Novos documentos de uma pitoresca época steampunk. Tremam, biltres vilões! Os organizadores Fábio Fernandes e Romeu Martins prepararam outra fornada de histórias fantásticas ao lado de Dana Guedes, Nikelen Witter, Luiz Bras, Sid Castro, Jacques Barcia e Cirilo S. Lemos.Seja reimaginando o passado, voando por cidades estranhas ou manipulando dispositivos fantásticos, nove contos que exploram o gênero o farão entender porque o steampunk é tão amado, tão pitoresco e tão cheio de possibilidades.ContosO Alferes de Ferro – Fábio FernandesV.E.R.N.E. e o Farol de Dover – Dana GuedesTridente de Cristo – Romeu MartinsUma missão para Miss Boite – Nikelen WitterMecanismos precários – Luiz BrasNotícias de Marte – Sid CastroModelo B – Romeu MartinsO cerco de Dr. Vikare Blisset - tal qual foi relatado pelo detetive Carlos Werke – Jacques BarciaMeu pais, os pterodáctilos – Cirilo S. Lemos
Imagine um mundo sustentável, movido por energias limpas e renováveis, menos agressivas ao meio ambiente. Agora imagine a humanidade sob o impacto dessas mudanças. É essa a proposta de “Solarpunk – Histórias ecológicas e fantásticas em um mundo sustentável”, que após “Vaporpunk” e “Dieselpunk”, fecha a trilogia de coletâneas de ficção especulativa organizadas por Gerson Lodi-Ribeiro.Mais otimista, vislumbrando um futuro esperançoso e desenvolvido, as noveletas de Solarpunk exploram desde o aproveitamento dos relâmpagos atmosféricos à produção de biocombustíveis via nanotecnologia. Grandes veleiros espaciais impulsionados pela pressão da radiação solar, o advento de humanos fotossintéticos, e como não há sociedade perfeita, até mesmo o terrorismo contra empreendimentos e governos verdes.Nove autores de Brasil e Portugal imaginam esse futuro surpreendente: Carlos Orsi, Telmo Marçal, Romeu Martins, Antonio Luiz M. C. Costa, Gabriel Cantareira, Daniel I. Dutra, André S. Silva, Roberta Spindler e o organizador Gerson Lodi-Ribeiro.O sol de um futuro sustentável está nascendo, conheça o mundo verde e brilhante de Solarpunk.ContosSoylent Green is People! – Carlos OrsiO Confronto dos Reinos – Telmo MarçalE Atenção: Notícia urgente! – Romeu MartinsEra Uma Vez um Mundo – Antonio Luiz M. C. CostaFuga – Gabriel CantareiraGary Johnson – Daniel I. DutraXibalba Sonha com o Oeste – André S. SilvaSol no Coração – Roberta SpindlerAzul Cobalto e o Enigma – Gerson Lodi-Ribeiro
©2019 GoogleSite Terms of ServicePrivacyDevelopersArtistsAbout Google|Location: United StatesLanguage: English (United States)
By purchasing this item, you are transacting with Google Payments and agreeing to the Google Payments Terms of Service and Privacy Notice.