O Nome do Presidente é Dom Pedro – Vol. 2 (1930-2015: Das Ditaduras ao Século XXI)

Chiado Editora
Muestra gratuita

O nome do presidente é dom Pedro” é uma viagem no tempo, desde 1840 até os dias de hoje. A cena inicial se dá no cais Pharoux e na Ilha Fiscal no último baile do Império, para então retornar ao ano em que, com o Golpe da Maioridade, dom Pedro II inicia seu reinado. Ao acompanhar a saga da família do visconde de Serramby, o leitor participa da história brasileira vendo desfilar diante de seus olhos o Imperador e cada um dos trinta e cinco presidentes que, com suas virtudes e defeitos, o sucederam desde 1889. Às disputas entre liberais e conservadores sob a batuta do poder moderador exercido por dom Pedro II, sucedem-se as Repúblicas velha e nova, as ditaduras, um impeachment, por fim os planos econômicos, a volta da democracia e, com o país tornando-se cada vez mais rico, generaliza-se a ambição e a prática da corrupção. Ao final de uma leitura em que se revive a evolução dos costumes, da moda e da política brasileira, cada um poderá concluir se o presidente sempre foi e continua sendo, no fundo, o mesmo, na prática uma mera continuidade de seus predecessores e um modelo para os que o sucederão. Ou se algum deles de fato sacudiu este país e, à sua época, mesmo sem nunca fazer uma revolução, saiu da superfície para transformá-lo, verdadeiramente encontrando-lhe novos caminhos. É um romance histórico com quatro grandes temas como referência: Império – As Repúblicas do Brasil – Ditaduras Civis e Militares – A corrupção e a economia. Para fechar, num esforço de síntese, em “Do século XIX ao XXI” o final é surpreendente.
Más información
Cargando...

Información adicional

Editor
Chiado Editora
Más información
Fecha de publicación
17 nov. 2016
Más información
Páginas
404
Más información
ISBN
9789895181056
Más información
Más información
Más información
Idioma
portugués
Más información
Protección de contenido
Este contenido está protegido por DRM.
Más información
Leer en voz alta
Disponible en dispositivos Android
Más información

Información sobre cómo leer

Smartphones y tablets

Instala la aplicación Google Play Libros para Android y iPad/iPhone. Se sincroniza automáticamente con tu cuenta y te permite leer contenido online o sin conexión estés donde estés.

Ordenadores de sobremesa y portátiles

Puedes leer los libros comprados en Google Play con el navegador web del ordenador.

eReaders y otros dispositivos

Para leer en dispositivos de tinta electrónica, como Sony eReader o Nook (Barnes Noble), es necesario descargar un archivo y transferirlo al dispositivo. Sigue las instrucciones detalladas del Centro de Ayuda para transferir archivos a dispositivos electrónicos de lectura admitidos.
O nome do presidente é dom Pedro” é uma viagem no tempo, desde 1840 até os dias de hoje. A cena inicial se dá no cais Pharoux e na Ilha Fiscal no último baile do Império, para então retornar ao ano em que, com o Golpe da Maioridade, dom Pedro II inicia seu reinado. Ao acompanhar a saga da família do visconde de Serramby, o leitor participa da história brasileira vendo desfilar diante de seus olhos o Imperador e cada um dos trinta e cinco presidentes que, com suas virtudes e defeitos, o sucederam desde 1889. Às disputas entre liberais e conservadores sob a batuta do poder moderador exercido por dom Pedro II, sucedem-se as Repúblicas velha e nova, as ditaduras, um impeachment, por fim os planos econômicos, a volta da democracia e, com o país tornando-se cada vez mais rico, generaliza-se a ambição e a prática da corrupção. Ao final de uma leitura em que se revive a evolução dos costumes, da moda e da política brasileira, cada um poderá concluir se o presidente sempre foi e continua sendo, no fundo, o mesmo, na prática uma mera continuidade de seus predecessores e um modelo para os que o sucederão. Ou se algum deles de fato sacudiu este país e, à sua época, mesmo sem nunca fazer uma revolução, saiu da superfície para transformá-lo, verdadeiramente encontrando-lhe novos caminhos. É um romance histórico com quatro grandes temas como referência: Império – As Repúblicas do Brasil – Ditaduras Civis e Militares – A corrupção e a economia. Para fechar, num esforço de síntese, em “Do século XIX ao XXI” o final é surpreendente.
O nome do presidente é dom Pedro” é uma viagem no tempo, desde 1840 até os dias de hoje. A cena inicial se dá no cais Pharoux e na Ilha Fiscal no último baile do Império, para então retornar ao ano em que, com o Golpe da Maioridade, dom Pedro II inicia seu reinado. Ao acompanhar a saga da família do visconde de Serramby, o leitor participa da história brasileira vendo desfilar diante de seus olhos o Imperador e cada um dos trinta e cinco presidentes que, com suas virtudes e defeitos, o sucederam desde 1889. Às disputas entre liberais e conservadores sob a batuta do poder moderador exercido por dom Pedro II, sucedem-se as Repúblicas velha e nova, as ditaduras, um impeachment, por fim os planos econômicos, a volta da democracia e, com o país tornando-se cada vez mais rico, generaliza-se a ambição e a prática da corrupção. Ao final de uma leitura em que se revive a evolução dos costumes, da moda e da política brasileira, cada um poderá concluir se o presidente sempre foi e continua sendo, no fundo, o mesmo, na prática uma mera continuidade de seus predecessores e um modelo para os que o sucederão. Ou se algum deles de fato sacudiu este país e, à sua época, mesmo sem nunca fazer uma revolução, saiu da superfície para transformá-lo, verdadeiramente encontrando-lhe novos caminhos. É um romance histórico com quatro grandes temas como referência: Império – As Repúblicas do Brasil – Ditaduras Civis e Militares – A corrupção e a economia. Para fechar, num esforço de síntese, em “Do século XIX ao XXI” o final é surpreendente.
©2018 GoogleCondiciones del servicio del sitioPrivacidadDesarrolladoresArtistasAcerca de Google|Ubicación: Estados UnidosIdioma: Español
Al comprar este artículo, se realiza una transacción con Google Payments y aceptas las Condiciones de Servicio y el Aviso de Privacidad de Google Payments.