memória da ausência

Letra Capital Editora LTDA
Free sample

'Memória da ausência' busca atravessar os séculos da elaboração do discurso sobre o mistério e traça um percurso discursivo da cristianização do Ocidente. Esse discurso se sistematiza e se sustenta na incorporação das categorias da filosofia grega ao pensamento teológico cristão. É, portanto, segundo o autor, pelo discurso da fé que os princípios do pensamento grego e da língua grega passam a vigorar como um fundamento definidor e definitivo da cultura ocidental.
Read more
Collapse
Loading...

Additional Information

Publisher
Letra Capital Editora LTDA
Read more
Collapse
Pages
222
Read more
Collapse
ISBN
9788577851201
Read more
Collapse
Read more
Collapse
Best For
Read more
Collapse
Language
Portuguese
Read more
Collapse
Content Protection
This content is DRM protected.
Read more
Collapse

Reading information

Smartphones and Tablets

Install the Google Play Books app for Android and iPad/iPhone. It syncs automatically with your account and allows you to read online or offline wherever you are.

Laptops and Computers

You can read books purchased on Google Play using your computer's web browser.

eReaders and other devices

To read on e-ink devices like the Sony eReader or Barnes & Noble Nook, you'll need to download a file and transfer it to your device. Please follow the detailed Help center instructions to transfer the files to supported eReaders.
Edson Monteiro é, antes de tudo, um escritor de bom-senso, cujos textos no dizer de seus amigos mais chegados revelam o homem que utiliza sua formação de engenheiro e seus estudos de lógica como elementos essenciais ao seu propósito de opinar com isenção.

Neste seu terceiro trabalho literário, desta vez um ensaio que se conclui com uma ficção preocupante por demais fundamentada traz-nos, outra vez, a ética como alvo.

Suas referências, agora, não são os dados históricos restritos à Guanabara do século XVI (de seu “Os Brasis de Uruçumirim”) nem os dos tempos de aluno de engenharia e de engenheiro preocupado com os compromissos da profissão com a sociedade (de seu “Aspectos Éticos na Engenharia”). Aqui, vê-se o denunciante realista e maduro, sem concessões à tendência de mentir do ser humano no seu afã de dominar.

Ainda uma vez, contudo, não faltam ao texto severo erudição e beleza, ingredientes reconhecidos na obra do prosador poeta.


Os leitores desta “quase elegia à verdade” ver-se-ão pressionados, em discretos momentos, a recorrer a leituras paralelas, menos por eventual desconhecimento ou por omissões do autor e mais pela vontade de contato com preciosidades que ele relembra, deixadas à posteridade pela civilização em marcha.

Ler esta obra representa, no dizer moderno, um convite ao “malhar” mentalmente.

Enfim, um trabalho corajoso e provocativo, que denuncia a supremacia da mentira na função estabelecedora – desde os remotos tempos – do domínio do homem pelo homem, contra o próprio homem e contra a natureza, atitude antiética, por suicida.

©2019 GoogleSite Terms of ServicePrivacyDevelopersArtistsAbout Google|Location: United StatesLanguage: English (United States)
By purchasing this item, you are transacting with Google Payments and agreeing to the Google Payments Terms of Service and Privacy Notice.