Moby-Dick (Edição Bilíngue): Edição bilíngue português - inglês

Editora Landmark LTDA
5
Free sample

Inspirado pelas experiências pessoais do autor e por outros acontecimentos que marcaram o período, 'Moby Dick' tem também como base inspiradora a história do capitão George Pollard e de seu navio baleeiro 'Essex' que, em 1823, foi atingido por uma baleia antes de naufragar. Depois que o 'Essex' afundou, Pollard e sua tripulação boiaram no mar sem comida ou água por três meses, e recorreram ao canibalismo antes de serem resgatados. O narrador da história é Ismael, jovem aventureiro com experiência na marinha mercante, que por problemas financeiros decide voltar a navegar a bordo de um navio baleeiro, já que a riqueza com a caça de baleias era abundante. De igual forma se convence de que suas aventuras devem começar por Massachussets, região famosa por sua indústria baleeira. Antes de iniciar sua viagem inicia uma estranha amizade com um arpoeiro polinésio, Queequeg. Ambos seguem viagem no baleeiro 'Pequod', com uma tripulação formada pelas mais diversas nacionalidades e raças. O 'Pequod' é comandado pelo misterioso e autoritário capitão Ahab, um experiente marinheiro, cuja perna mutilada fora decepada por uma baleia. Depois de vários dias sem ser visto, o misterioso Ahab surge no convés e revela a sua tripulação que o objetivo primordial da viagem, além da caça às baleias em geral, é a perseguição tenaz à Moby Dick, enorme mostro marinho que o privou de sua perna e que possui a fama de causar estragos a vários baleeiros que, ousados ou imprudentemente, tentaram caçá-la.
Read more

About the author

Herman Melville, nascido em 1° de agosto de 1819, em Nova York, foi um escritor, poeta e ensaísta norte-americano. Embora tenha obtido grande sucesso no início de sua carreira, sua popularidade foi decaindo ao longo dos anos. Faleceu quase completamente esquecido, sem conhecer o sucesso que sua mais importante obra, o romance "Moby Dick", alcançaria no século XX. Na placidez da fazenda comprada em Pittsfield, ao lado da esposa e dos filhos, terminou a história baseada nas experiências vividas no baleeiro Acushnet, contando as aventuras do Capitão Ahab, louco de dor e solidão, comandante do baleeiro Pequod contra a baleia branca Moby Dick, obra recebida pela crítica da época como um romance superficial. O livro, dividido em três volumes, foi publicado em 1851 com o título de "A baleia" e não obteve sucesso de crítica, tendo sido considerado como um dos principais motivos para o declínio da carreira do autor. Sua obra, pouco entendida na época pelo público em geral, compreende ainda "Pierre ou as Ambiguidades", "Benito Cereno", "Contos da Praça", "Homem-Confidência", "Diário dos Estreitos", "Do Alto de uma Casa", "Réquiem", "Clarel" e "Billy Budd". Sua morte ocorrida a 28 de setembro de 1891 não foi publicada em nenhum jornal da época.
Read more
4.2
5 total
Loading...

Additional Information

Publisher
Editora Landmark LTDA
Read more
Published on
Jan 1, 2012
Read more
Pages
528
Read more
ISBN
9788580700138
Read more
Language
Portuguese
Read more
Genres
Fiction / Romance / General
Read more
Content Protection
This content is DRM protected.
Read more
Read Aloud
Available on Android devices
Read more

Reading information

Smartphones and Tablets

Install the Google Play Books app for Android and iPad/iPhone. It syncs automatically with your account and allows you to read online or offline wherever you are.

Laptops and Computers

You can read books purchased on Google Play using your computer's web browser.

eReaders and other devices

To read on e-ink devices like the Sony eReader or Barnes & Noble Nook, you'll need to download a file and transfer it to your device. Please follow the detailed Help center instructions to transfer the files to supported eReaders.
"–Você poderia me contar qualquer coisa a seu respeito?' –Acho melhor não." Repetida mais de 20 vezes, a frase "Acho melhor não" é uma espécie de leitmotiv, ou fio condutor, da obra-prima de Melville. A história é contada pelo sócio de um escritório de advocacia de Nova York, que se esforça para desvendar a misteriosa e impenetrável personalidade de Bartleby, um escrivão que se recusa resolutamente a realizar qualquer tarefa, sem apresentar nenhuma justificativa para tal. O fascínio pela postura do funcionário impede o advogado de tomar medidas enérgicas e, quando finalmente decide fazê-lo, é confrontado com a mesma negativa inabalável. Por que Bartleby age como age? Por que sua austera recusa tem tamanha força? Somos, nós, incapazes de lidar com aquilo que não oferece explicações? A cada resposta evasiva de Bartleby abre-se a fresta para a entrada do insólito no cotidiano do escritório de advocacia e até da vizinhança de Wall Street. Repleto de humor e jogos de linguagem e com estilo que não dá ao leitor possibilidade alguma de abandonar o livro, o clássico de Melville oferece uma reflexão profunda sobre a natureza humana e o modo como nos relacionamos com o mundo. Escrita há mais de um século, a obra nos remete a outros escritores incontornáveis da literatura ocidental, como Kafka e Camus, que marcaram o século XX com suas narrativas sobre o absurdo que pode tomar conta da existência. A edição traz posfácio do crítico Modesto Carone e projeto gráfico que obriga o leitor a descosturar a capa e cortar, uma a uma, as páginas não refiladas do livro para desvendar a novela de Melville. Como afirma a designer Elaine Ramos, a cada página o livro dirá "Acho melhor não", da mesma forma que o escrivão se recusa a atender aos pedidos de seu patrão.
©2018 GoogleSite Terms of ServicePrivacyDevelopersArtistsAbout Google|Location: United StatesLanguage: English (United States)
By purchasing this item, you are transacting with Google Payments and agreeing to the Google Payments Terms of Service and Privacy Notice.